domingo, 22 de junho de 2014

Projeto homofóbico é arquivado



A pedido do Conselho de Ética do PSB, o deputado Pastor Eurico (PSB-PE) solicitou, no último dia 12 de junho, à Secretaria-Geral da Mesa da Câmara o arquivamento da proposta que ficou conhecida como projeto da “cura-gay”. O projeto foi analisado pelo Conselho de Ética do PSB após o núcleo LGBT e o movimento negro do partido terem dito que a proposta contraria as diretrizes da sigla. Ao concordar com a representação, o conselho solicitou que o deputado pedisse pelo arquivamento, dando a ele o prazo de 10 dias de defesa.

O projeto foi apresentado em abril deste ano, depois de matéria de teor idêntico ter sido arquivada por decisão do plenário da Casa em 2013. O projeto tem como objetivo derrubar o trecho da resolução de 1999 do Conselho de Psicologia que proíbe tratamentos destinados a “reverter a homossexualidade”.

De acordo com o deputado, “pessoas que desejam deixar a homossexualidade deveriam ter direito a acolhimento e ajuda profissional”. (As informações são do site Mix Brasil).


Nenhum comentário:

Postar um comentário