quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Senado adia votação de criminalização da homofobia


Após uma sessão tumultuada na Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal, foi adiada nesta quinta-feira a votação de uma das propostas sobre direitos a homossexuais com tramitação mais avançada na Casa: a que estabelece a criminalização da homofobia e prevê pena de até três anos de prisão para aqueles que praticarem atitudes preconceituosas contra gays. Os favoráveis à causa gay avaliaram que havia o risco de o projeto não ser aprovado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário