sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Caso da Avenida Paulista - Agressão com Lâmpada



Em novembro do ano passado, repercutiu na mídia o caso de um rapaz atingido por golpes com lâmpada fluorescente quando estava em companhia de amigos na avenida Paulista. Um dos adolescentes, J.L.D., teria ainda imobilizado a vítima para que os demais integrantes do bando (outra coisa não é) passassem a agredi-lo. O rapaz agredido, L.A.B., interpôs agravo de instrumento contra decisão que indeferiu o pedido de decretação de segredo de Justiça, bem como de tutela antecipada pretendida, uma vez que teve que se submeter a tratamento psicológico e não possuir condições financeiras para arcar com as sessões. Em acórdão, o desembargador Alvaro Passos, da 2ª câmara de Direito Privado do Tribunal bandeirante, deferiu o pedido de decretação de segredo de Justiça, bem como antecipou a tutela para que os réus respondam solidariamente pelo pagamento do tratamento psicológico da vítima. (Processo : 0212578-31.2011.8.26.0000)

Fonte: Migalhas 

Nenhum comentário:

Postar um comentário