domingo, 2 de outubro de 2011

Polícia prende três jovens acusados de matar homossexual em Curitiba



Além de matarem o homem a facadas, o trio teria roubado diversos pertences da vítima. A Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) e a Divisão de Polícia Metropolitana chegaram ao grupo depois que Waldevino, dono da apostila, delatou os amigos. Segundo o rapaz, ele apenas teria segurado o homem, junto com Thiago, preso na quinta-feira, enquanto Shalon, preso na quarta, teria efetuado as facadas. Ao serem questionados do motivo do crime, os rapazes alegaram que a vítima era homossexual e que teria feito uma macumba para que eles também se tornassem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário