sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Polícia Civil identifica suspeitos de agressão a casal gay em São Paulo

Um dos suspeitos (ao centro, vestindo camiseta verde) de agredir casal gay deixa delegacia em SP após prestar depoimento. Ele está acompanhado do pai (de vermelho) e do advogado (de terno). (Foto: Kleber Tomaz / G1)


Em sua defesa, o suspeito confirmou ter brigado com os homossexuais, mas negou que o confronto tenha sido motivado por homofobia. O jovem, que não teve seu nome divulgado e aparenta ter mais de 20 anos de idade, não quis falar com a reportagem do G1 ao deixar a delegacia. Ele estava acompanhado de seu pai e de um advogado e agora irá responder ao crime em liberdade. A polícia também não deverá pedir a prisão do outro suspeito, que poderá se apresentar na próxima semana para dar sua versão do que teria ocorrido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário