sábado, 10 de setembro de 2011

A rebelião particular de Ricky Martin

A rebelião homossexual de Stonewall aconteceu em 1969, no epicentro de um período histórico de ampla reivindicação de direitos civis nos Estados Unidos. Desde então, passaram-se mais de 40 anos até que o país que venera a Estátua da Liberdade aceitasse assimilar completamente um artista como Ricky Martin e um videoclipe como “The Best Thing About Me Is You”. 
Artista pop de origem porto-riquenha, nascido dois anos depois de Stonewall, ex-integrante da boy band Menudo, Ricky demorou, ele próprio, 38 anos de vida até sair publicamente do armário e se revelar gay diante de uma multidão planetária de fãs. Fez isso no ano passado, num lance combinado com a publicação de Eu, sua autobiografia. Neste ano, lançou o CD Música + Alma + Sexo, seu primeiro de músicas inéditas em seis anos e o primeiro trabalho musical como homem artista homossexual assumido (e pai de dois filhos pequenos). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário