segunda-feira, 26 de setembro de 2011

JUNTE-SE ÀS 'MÃES PELA IGUALDADE' NO BRASIL


”Meu filho, meu melhor amigo, companheiro e confidente, foi morto num ataque homofóbico no ano passado. Hoje sinto um grande vazio, que procuro preencher com a luta contra a violência, homofobia, preconceito e a discriminação.”
                                             Eleonora, Mãe pela Igualdade





“Prefiro ter um filho morto em acidente do que um filho gay.” Essas palavras, pronunciadas por um parlamentar brasileiro como um apelo aos “valores da família” brasileira, deixou Eleonora Pereira muito brava. 


Saiba mais.......

Nenhum comentário:

Postar um comentário