sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Morre Rudolf Brazda, último sobrevivente dos 'triângulos rosas'




ESTRASBURGO (França) — Rudolf Brazda, o último sobrevivente dos "triângulos rosas", os homossexuais internados em campos de concentração durante a Segunda Guerra Mundial, morreu na quarta-feira aos 98 anos em Bantzenheim, leste da França.

Nenhum comentário:

Postar um comentário