quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Mãe de suspeito de mortes na Oscar Freire pede perdão a família de vítimas


A mãe de Lucas Rosseti, de 21 anos, apontado pela Polícia Civil como o principal e único suspeito de ter matado a facadas o analista de sistemas Eugênio Bozola, de 52, e o modelo Murilo Rezende, de 21, na semana passada em um apartamento na Rua Oscar Freire, nos Jardins, em São Paulo, pediu desculpas aos parentes das vítimas em nome de seu filho. A motorista Andréia Zanetti de Mendonça, de 39 anos, pediu perdão em entrevista concedida na manhã desta terça-feira (30). Apesar disso, ela disse que acredita que seu filho agiu em legítima defesa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário