terça-feira, 12 de julho de 2011

A transexualidade no dia a dia; Depois do silicone, acabou a dúvida


Até conquistar as curvas que sempre sonhou, Carla Amaral não sossegou. “Tenho lembranças dos 7 anos de idade, me imaginando adulta, com corpo violão e cabelos compridos.” Na adolescência, sem orientação nem segurança, começou a tomar doses cavalares de hormônios. “Eu injetava, tomava pílulas. Do jeito que eu fiz, não recomendo para ninguém.” 

Nenhum comentário:

Postar um comentário