domingo, 19 de junho de 2011

Por que não a poligamia?


Image

Segundo a ADFH, uma maioria de franceses é hoje favorável ao casamento homossexual e a lista de países que o autorizam não cessa de aumentar de mês, remetendo a França à sua visão muito estreita da liberdade de ser e agir. Para o SOS Homophobie, este voto confirma que em 2011, na França, as lésbicas e os gays são ainda considerados como como sub-cidadãos/cidadãs, que têm os mesmos deveres mas não os mesmos direitos. "O governo e a UMP (Union pour un mouvement populaire) mostram sem ambigüidade que no seio da direita francesa, hoje, o que domina é um pensamento retrógrado e homófobo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário