terça-feira, 21 de junho de 2011

HETEROSSEXUALIDADE, CONVICÇÃO E PRECONCEITO


Estamos assistindo a vigorosa expansão de iniciativas tendentes a espalhar o homossexualismo no planeta. Várias forças se uniram neste escopo de subversão da Lei Moral. No plano político-jurídico a ofensiva é comandada a partir da Organização das Nações Unidas. No campo da propaganda, grande parte dos meios de comunicação social, sobretudo a televisão, está visivelmente empenhada em apoiar a ofensiva homossexual. Sob o aspecto sociológico, constatamos a ação contínua de grupelhos de pressão, alojados ou não em “ONGs”, que se servem da propaganda difundida pela mídia para atuar junto às instituições legislativas e judiciárias, de modo não só a conferir cidadania ao homossexualismo, mas até mesmo outorgar-lhe privilégios. Nesta, e em outras frentes de dissolução da civilização cristã, os agentes revolucionários atuam de forma coordenada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário