sábado, 28 de maio de 2011

Doação independente da sexualidade



Doar sangue é um ato de caridade. Gesto que qualquer pessoa pode, e deve ter. Certo? Mais ou menos. De acordo com a RDC (Resolução da Diretoria Colegiada) nº 153, de junho de 2004, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária orienta médicos e enfermeiros a dizer 'não'' ao sangue dos homossexuais, independentemente se possuíam apenas um parceiro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário